Um belo texto de uma jovem que ….PENSA!

   O texto a seguir “caiu” em minhas mãos por causa de um “escândalo” positivo de uma colega da autora, em sala de aula. Pedi para ler e GOSTEI MUITO!

  Aprendi que o que emociona deve ser compartilhado.

 Você que não perdeu a fé na juventude e que acredita que ideias e ações fazem a diferença, aproveite a leitura!

…………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

Gabriela Adorno

Lembro que desde que comecei a tomar consciência da sociedade ao meu redor, mais ou menos aos 6 anos, já ficava horrorizada com o estado da saúde no Brasil. Mas antes disso, algo sempre me chamou a atenção no caminho para o colégio: O tamanho da fila no Hospital de Irmã Dulce. Hoje, muito mais madura, ainda lembro-me da tristeza que eu sentia ao olhar para aquela multidão de pessoas aguardando atendimento médico. A única coisa que mudou foi o tamanho da minha tristeza, que só cresce ao ver tanto sofrimento. Aquilo é um desrespeito ao ser humano. Ao país.

    Bilhões de reais foram investidos na Copa do mundo e estão sendo nas Olimpíadas de 2016. Milhões são desviados todos os dias dos cofres públicos (se é que nosso dinheiro chega até lá). Pagamos tantos impostos e há tão pouco retorno que chega a ser desprezível. Uma vergonha. É assim que defino o estado do Brasil. Sinto agonia, raiva e enjoo ao ver tantas campanhas políticas por todos os lados. Sinto-me presa, sufocada. Durmo e acordo pensando em soluções para os enfermos na fila de Irmã Dulce. Não encontro. Estou de mão atadas. Estamos. Há muito tempo foi nos tirado o poder de opinar e protestar.

   As manifestações que ascenderam ano passado me deixaram tão orgulhosa do meu povo que a felicidade e o orgulho não cabiam em mim. O Governo, mais uma vez, soube nos calar. Hoje, mais uma vez, prometi a Deus que vou acabar com o desrespeito não só à fila de Irmã Dulce, mas de todos os hospitais públicos do país. Sou muito humanitária para assistir a isso tudo sem fazer nada. De minha mãe herdei o amor pelas pessoas, de meu pai a determinação para lutar por elas. E é isso que vou fazer.

O Sistema não te quer pensando. Pense nisso!

-Maria Gabriela Adorno Vinhático escreveu esse texto aos “quase 16 anos, cursando a 1ª série do Ensino Médio.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s